Mulher coloca silicone industrial no rosto e desabafa: me chamam de ‘fofão’

A transexual Juju Oliveira, de 30 anos, desabafou na redes sociais sobre o bullying que sofre na cidade em que mora, Passo Fundo, no Rio Grande do Sul, por conta de um procedimento que fez no rosto com silicone industrial.

Em suas redes sociais, a gaúcha fez um apelo e afirma que não se sente a vontade sendo chamada de Fofão: “Eles passam e me chamam de Fofão. Eu era uma pessoa como qualquer outra, aí fui inventar de fazer isso no rosto: silicone. Aí deu no que deu. Inchou e ficou desse jeito. Foi um erro meu”, lamenta. “Eu só estou querendo um pouco de respeito. Sou uma travesti de 30 anos. Sou natural de Passo Fundo, sempre morei aqui. Quero pedir um pouco mais de respeito”, desabafou.

Para um site do sistema Globo, Juju contou que colocou 250 ml de silicone no rosto em uma clínica clandestina, que foi espalhado entre bochecha, nariz, queixo e maxilar, entretanto, disse que está procurando um cirurgião plástico para tentar reverter o inchaço no rosto.

Fonte: Portal do Holanda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *