Teatro Amazonas volta a abrir as portas para receber o público

Manaus/AM – Nesta terça-feira (20), a partir das 20h, o Teatro Amazonas volta a abrir as portas para receber o público para espetáculos. A primeira apresentação vai ser da Orquestra de Violões do Amazonas (Ovam), com “De Canhoto a Nicanor”, com acesso gratuito.

Segundo o secretário de Cultura e Economia Criativa, Marcos Apolo Muniz, uma série de regras foi adotada para prevenção da Covid-19, e o espaço vai funcionar, neste primeiro momento, com metade da capacidade na plateia. Ele explica que o acesso é somente com agendamento, que começa neste sábado (17/07), pelo Portal da Cultura (cultura.am.gov.br).  

Entre os protocolos adotados estão o uso obrigatório de máscara, aferição de temperatura e álcool em gel em pontos estratégicos. Os assentos na plateia e nas frisas vão ser intercalados para manter o distanciamento. 

‘De Canhoto a Nicanor’ – A Orquestra de Violões do Amazonas (Ovam), com regência do maestro Davi Nunes, sobe ao palco para exibir um repertório brasileiro, que vai ser executado por 18 músicos, entre violonistas e percussionistas. 

Programação – Em julho, as apresentações seguem com a Amazonas Filarmônica e Balé Folclórico do Amazonas. 

O espetáculo “Sinfonia Surpresa e Concerto de Khachaturian” vai ser apresentado com a Amazonas Filarmônica, no dia 22, com obras de Franz Joseph Haydn e Aram Khachaturian. No dia 27 é a vez do Balé Folclórico do Amazonas (BFA), com o espetáculo “Cores do Rio”, sobre um trabalho de pesquisa conduzido pela diretora artística da companhia, Conceição Souza, e desenvolvido pelos próprios bailarinos acerca da realidade amazônica.

No dia 29, a Amazonas Filarmônica apresenta a “A Forma-Sonata – Sinfonia Linz de Mozart”, um concerto sobre a forma-sonata, encontrada na estrutura de muitas sinfonias do classicismo, com o maestro Otávio Simões.

As apresentações também vão ser transmitidas pelo Facebook e canal da Secretaria de Cultura e Economia Criativa no Youtube (@culturadoam), além do Facebook da TV Encontro das Águas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *